Seguidores

Google+ Followers

terça-feira, 1 de junho de 2010

JESUS

» Notícias » Papa/Vaticano Jesus é o verdadeiro e único tesouro que temos e devemos dar à humanidade - 01/06/2010 - 15:24 "Caros irmãos e irmãs, com grande alegria, me uno a vocês, ao término deste tradicional encontro de oração que conclui o mês de maio no Vaticano": com essas palavras, Bento XVI deu início à sua saudação aos fiéis e peregrinos reunidos em torno da Gruta de Lourdes, nos jardins vaticanos, para o encerramento do mês de maio, dedicado a Maria Santíssima. Referindo-se à liturgia de ontem, que nos narra a visita de Maria à sua prima, Isabel, grávida e não mais jovem, o papa sublinhou que nessa visita podemos reconhecer o exemplo mais límpido e o significado mais verdadeiro do nosso caminho como fiéis e do caminho da própria Igreja: "A Igreja é, por sua natureza, missionária; é chamada a anunciar o Evangelho em todos os recantos do mundo, e a transmitir a fé a cada homem e mulher, em todas as culturas." A viagem de Maria – refletiu o pontífice – foi uma "autêntica viagem missionária", a mesma viagem – para fora de nós mesmos, para além das nossas limitações – que Cristo pede a cada um de nós, para darmos testemunho d'Ele, até os confins da Terra. Maria permanece com a prima Isabel por três meses – narra o evangelista Lucas. Ela soubera, por intermédio do Anjo, que Isabel estava grávida de seis meses. Isabel já não era mais jovem e a presença da jovem Maria a seu lado podia ser-lhe muito útil. Eis porque Maria foi ter com ela e ali permaneceu: para oferecer-lhe aquela afetuosa proximidade, aquela ajuda concreta e aqueles serviços cotidianos de que Isabel tanto necessitava. "Isabel – sublinhou o papa – torna-se, assim, o símbolo das pessoas idosas e doentes, de todos aqueles que necessitam de ajuda e de amor. E quantas destas existem, ainda hoje, em nossas famílias, em nossas comunidades e em nossas cidades!" Mas a caridade de Maria não se detém na ajuda concreta; ela vai além; ela faz com que a prima encontre Jesus. De fato – narra o evangelista Lucas – logo que viu Maria, o bebê de Isabel mexeu-se no seu ventre: "É o fulcro e o ápice – disse o Santo Padre – da missão evangelizadora; é o significado mais verdadeiro e o objetivo mais genuíno de todo percurso missionário: doar aos homens o Evangelho vivo e pessoal, que é o próprio Senhor Jesus." "Jesus é o verdadeiro e único tesouro que temos e devemos dar à humanidade. É d'Ele que os homens e mulheres do nosso tempo sentem a falta, ainda quando parecem ignorá-Lo ou recusá-Lo. É d'Ele que tem necessidade a sociedade em que vivemos, a Europa e o mundo inteiro" – frisou Bento XVI. O papa concluiu, sublinhando que devemos viver com alegria e empenho essa extraordinária responsabilidade que nos é confiada, a fim que a nossa civilização seja, realmente, "uma civilização na qual reinem a verdade, a liberdade e o amor, pilastras fundamentais e insubstituíveis de uma verdadeira convivência ordenada e pacífica". Última Alteração: 15:24:00 Fonte: Rádio Vaticano Local:Cidade do Vaticano

Nenhum comentário:

Postar um comentário